Sintasa participa de greve nacional e já mira outra nesta quarta-feira


Parte da diretoria do Sindicato dos Trabalhadores na Área da Saúde do Estado de Sergipe (Sintasa), auxiliares e técnicos de enfermagem, além dos demais servidores do nível médio da saúde do estado participaram nesta sexta-feira, 30, de um ato público , cuja concentração ocorreu na Praça General Valadão, contra as medidas do Governo Temer, durante a Greve Nacional de 24 horas.

Esta greve foi organizada pelas centrais sindicais e federações sindicais, mas na próxima quarta-feira, 5, o Sintasa comandar outra paralisação de 24 horas, mas desta vez contra a falta de reajuste salarial das categorias. Haverá um ato público, a partir das 7 horas, na frente do Palácio dos Despachos.

“Não podemos ficar de braços cruzados e aceitar o que este governo federal está impondo contra os trabalhadores. Não aceitamos a forma que estão querendo empurrar a reforma trabalhista e previdenciária. A população está vendo o desemprego, o emprego diminuindo, o ganho do trabalhador diminuindo. Estamos vendo a dificuldade do funcionamento dos serviços públicos, entre outras questões. Não podemos aceitar que este governo continue”, disse a diretora do Sintasa, Maria Edite.

Não foi a primeira vez que as categorias da saúde juntamente com o Sintasa participaram este ano da Greve Nacional. Ocorreram outras duas vezes. A primeira no dia 15 de março e a segunda no dia 28 de abril. Se depender de como as situações estão se encaminhando existe uma grande possibilidade de ocorrerem outras greves nos próximos meses.

3006-Greve Nacional

30/06/2017 -