Sintasa protocola no TCE denúncia de salários atrasados de empregados pagos por RPA e contratados da PMA

29/11/2016 15:49:37 em Aracaju >Notícias > Aracaju


O presidente do Sindicato dos Trabalhadores na Área da Saúde do Estado de Sergipe (Sintasa), Augusto Couto, protocolou, nesta terça-feira, 29, no Tribunal de Contas do Estado de Sergipe (TCE/SE), ofício denunciando ao Tribunal que empregados de Aracaju da Saúde que são pagos através de Recibo de Pagamento Autônomo (RPA) e contratados estão com dois meses de salários atrasados.

“A Rede Municipal de Saúde tem uma particularidade. Não existe número suficiente de servidores efetivos. Nós já cobramos a realização de Concurso Público para novos servidores, o Ministério Público Estadual autorizou a realização de concurso porque a gestão não consegue gerir a saúde somente com a Rede Municipal. Por isso, há a necessidade de RPAs e contratos em diversas áreas como radiologia, técnicos de enfermagem, enfermeiros e médicos”, explica Augusto Couto.

Além do protocolo, o presidente do Sintasa conversou sobre este assunto com o procurador do TCE, Sergio Monte Alegre, que havia ouvido a denúncia do Sintasa num programa de rádio na manhã desta terça-feira, mas que não havia recebido até então nenhuma denúncia formal, o que motivou o líder sindical a encaminhar o protocolo no mesmo dia ao procurador e também ao presidente da Corte de Contas, Clóvis Barbosa.

O Sintasa protocolou o documento no TCE representando também o Sindicato dos Enfermeiros do Estado de Sergipe e o Sindicato dos Médicos de Sergipe, visto que existem RPAs e contratados também destas duas categorias.