Servidores reclamam que não receberam reajuste no contracheque

18/07/2014 17:05:26 em Geral


Após a assembleia geral com os servidores da Saúde do município de Aracaju, ficou detectado que não houve o pagamento do reajuste de 6,5% como ficou acertado pela Prefeitura de Aracaju. Os trabalhadores levaram os seus contracheques, na reunião realizada na tarde desta sexta-feira (18), na sede do Sintasa, e de nenhum foi encontrado o reajuste, segundo a direção do Sintasa.

Para tentar buscar soluções para esta e outras questões, o Sintasa irá protocolar segunda-feira um ofício na Secretaria Municipal de Saúde (SMS) solicitando uma audiência. Com isso, ficou marcada outra assembleia da categoria para o dia 15 de agosto, às 13h30min, na sede do Sintasa.

Na reunião desta sexta, os servidores reclamaram também que alguns não receberão a incorporação das gratificações no salário base, como o de progressão por méritos, complemento do Programa de Saúde da Família (PSF) e gratificação de titulação.

Outra reivindicação foi que o pagamento do Programa de Melhoria do Acesso e Qualidade da Atenção Básica (PMAQ) foi desproporcional ao que foi trabalhado. Também ficou combinado, depois da sugestão dos trabalhadores, que o Sintasa pressione a SMS para refazer a perícia sobre as áreas que os servidores trabalham para receber a insalubridade, que hoje é de 20%, uma vez que existe a desconfiança de que a porcentagem poderá ser superior.