Sintasa cobra mais atenção do presidente da FHS

26/04/2012 18:54:46 em Geral

A diretoria do Sindicato dos Trabalhadores na Área da Saúde do Estado de Sergipe (Sintasa) não gostou da ausência, pela segunda vez, do presidente da Fundação Hospitalar de Saúde (FHS), Emanoel Messias, na reunião dessa quarta-feira (25), com o sindicato e o secretário de Estado de Saúde, Antônio Carlos Guimarães, para discutir as deficiências que os servidores da Maternidade Nossa Senhora de Lourdes, na capital, vêm sofrendo no trabalho diário.
 
“Está parecendo que o presidente da Fundação Hospitalar não está dando a devida atenção aos profissionais da Maternidade Nossa Senhora de Lourdes. Duas reuniões foram realizadas e ele não compareceu. O Sintasa convocou oficialmente a sua presença e nada. Mais atenção aos profissionais e a maternidade, senhor presidente”, enfatiza o presidente do Sintasa, Augusto Couto.
 
Na reunião realizada na maternidade, cujo representante do presidente da FHS foi o diretor Administrativo e Financeiro da fundação, Vanderson Melo, os gestores tentaram esclarecer os pontos colocados em pauta, mas nenhuma solução foi tomada até o momento em favor dos servidores.
 
As principais reclamações dos servidores são a deficiência das ambulâncias por falta de manutenção, superlotação de pacientes, pagamento das horas extras, falta de higienização da maternidade e estrutura física precária no Banco de Leite. Confira a lista completa das reivindicações abaixo:
 
Transporte
- Deficiência das ambulâncias por falta de manutenção
- Quantitativo de três ambulâncias, onde uma é emprestada pelo município de Itabaiana
- Pagamento das horas extras
 
UTIM
- Folga prêmio retirado
- Superlotação de pacientes
- Feriado como ponto facultativo
- EPI’S (Equipamento de proteção individual)
 
UPA
- Falta de fardamento adequado
- Diminuição do quadro pessoal
- Falta de material: Gelco, Seringas e Fraldas descartáveis para recém-nascidos
- Falta de medicamentos
-Higienização da Maternidade: Banheiros, Salas de espera e Salas pessoais
- Material com péssima qualidade: Papel Higiênico e Papel Toalha
Fonoaudiólogos
- Treinamento Pessoal
- Aumento no Quantitativo
- Triagem sendo feita no Hospital São José
 
Nutricionista
- Reconhecido como apoio administrativo
 
Serviço social
- Plantões nos finais de semana
- Carga Horária
 
Banco de Leite
- Estado físico precário
- Área de risco com assaltos
- Vigilância Desarmada
- Instalação elétrica visível

O Sintasa deixa claro que está de olho e se nenhum problema for solucionado, tomará as devidas providências